Paz: uma conquista impossível?

Eterno ideal

“Façamos a guerra para poder viver em paz”. Tal citação do filósofo grego Aristóteles, é certamente coerente, visando o grande número de revoluçõesnque um dia foram feitas, e que, apesar de gerarem muitas mortes, foram por uma nobre causa e resultaram em um avanço em toda uma sociedade. Porém guerras com dimensões tão extremas como têm ocorrido nos últimos anos não podem ser justificada nem mesmo por uma busca pela paz.

-Joanna Lombardi

A guerra da paz

Podemos dizer que a busca pela paz mundial passou por várias etapas, Primeira Grande Guerra Mundial, Segunda Guerra, Guerra Fria, Guerra dos Cem Anos; mas no começo do século 21 há uma guerra ao TERRORISMO, ou seja, não é mais apenas um conflito, agora é um combate ao terror, não a busca de um mundo melhor, pacifista; estamos nos armando cada vez mais, banalizando mais a guerra e parece que os termos tão utilizados pelos hippies americanos como: “MAKE LOVE, NOT WAR” (Faça amor, não guerra) ou “PEACE AND LOVE” (Paz e Amor) estão sendo esquecidos e descendo por água abaixo.

-Otavio Pereira

Anúncios

Sobre Grupo 5

Beatriz Monteiro, Guilherme Carvalho, Guilherme Goes, Joanna Lombardi, Kauê Ortega e Otávio Pereira Ver todos os artigos de Grupo 5

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: